DEPARTAMENTO

INCUBADORA DE IDEIAS


A criação da Incubadora de Idéias se deu no âmbito do Conselho de Direção 2010-2011, e foi um ato político que teve como eixo propulsor um momento político institucional particular dentro do Departamento.   A Incubadora é a materialização de um dispositivo do Departamento de Psicanálise destinado a estimular, atrair e apoiar iniciativas de toda ordem, projetos que estejam dentro do escopo ético-político que compartilhamos como associação de psicanalistas.

 

A Incubadora é um campo de trabalho aberto, que propicia a troca entre pares e a circulação de transferências transversais dentro do Departamento. Sem pauta pré-estabelecida, é dirigido aos membros e aspirantes que queriam se aproximar ou se reaproximar para conhecer e conversar sobre o Departamento, ou para propor projetos, esboços, ou idéias que precisam ser incubadas em um lugar de encontro, de expressão, de debate e de invenção. Um dispositivo em contínua construção destinado àqueles que desejam configurar sua condição de pertencimento através da produção.

 

Como campo de trabalho, é um dos endereços ao qual podem recorrer os aspirantes e membros que desejam compartilhar espaços propícios à reflexão sobre a psicanálise encarnada em nossas práticas, um modo de fazer psicanálise, de acordo com um dos nossos princípios ético-políticos fundamentais: sustentar e fazer trabalhar as diferenças teórico clínicas do campo freudiano, de forma a acolher  e incentivar projetos que respondam  às injunções político-sociais da nossa época, dentro/fora do Departamento.

 

A implantação do dispositivo Incubadora de Idéias foi realizada pelo Conselho de Direção do Departamento de Psicanálise a partir da área de Formação Continua através de trabalho de um grupo coordenado pela então articuladora da área Heidi Tabacof. Esse grupo acolheu as demandas, triou as possibilidades de trabalho e o necessário ajustamento para encaminhar a iniciativa ao Conselho de Direção para aprovação final. A primeira coordenação da Incubadora foi feita por Heidi Tabacof, e teve a parceria de Rita Cardeal, membro do Departamento.

 

O Conselho de Direção é a instância gestora que responderá pela aprovação de propostas, pela consideração da viabilidade dos projetos, de sua consonância com a psicanálise praticada no Departamento, pela relevância ou configuração do tema e, finalmente, pela adequação ao que já está regulamentado no Departamento.

 

É possível conhecer um pouco dos cinco anos de história dos encontros ocorridos na Incubadora, acessando "As notícias da Incubadora" no Site do Departamento, assim como o texto produzido para Entretantos, por Heidi Tabacof, na época da sua idealização, clicando no texto  sobre a Incubadora: Texto Entretantos 2014.

 

Dando continuidade ao trabalho, convidamos todos os interessados em participar deste processo dentro do Departamento, e trazer para o espaço estabelecido suas idéias, críticas e sugestões. Continuamos nos reunindo toda primeira quinta-feira de cada mês.

 

Em 2019-2020 a coordenação dos trabalhos será de Luciana Cartocci, articuladora eleita para a área de Formação Contínua.

 
Conselho de Direção
Gestão 2019/2020
 
Atividades Internas (Sala e datas das reuniões).


 

 

   
Departamento de Psicanálise - Sedes Sapientiae
Rua Ministro Godoi, 1484 - 05015-900 - Perdizes - São Paulo - Tel:(11) 3866-2753
As informações deste site podem ser utilizadas desde que incluídos os créditos ao Depto de Psicanálise e aos seus autores.
id01282023010536005179232018